A VISITAR

m infante 1Localizada na Praça Infante D. Henrique, antiga Praça da República/ da Constituição/ do Município/ do Pelourinho/ dos Touros, foi inaugurada em 1960.

De autoria do escultor Leopoldo de Almeida, constitui uma obra de arte que imortaliza a figura do Infante e a sua estadia em Lagos durante parte significativa da sua vida. Daqui terá dirigido a fase inicial dos Descobrimentos Portugueses.

É conhecido mundialmente pelo cognome de "O Navegador".

Fonte: CM-Lagos.pt

m esttua padroeiro sao gonalo 2Localizada no cimo da Avenida dos Descobrimentos, perto do local panorâmico conhecido por Chão Queimado, encontra-se o monumento a São Gonçalo, padroeiro da cidade, da autoria do artista lacobrigense Tolentino Abegoaria.

Fonte: CM-Lagos.pt

m estatua de dom sebastiao de cutileiro 2Localizada na Praça Gil Eanes, esta escultura é da autoria de João Cutileiro. Inaugurada em 1973, perpetua a memória de D. Sebastião que elevou Lagos a cidade em 1573 e daqui partiu, em 1578, à conquista de Alcácer Quibir, na fatal expedição militar a Marrocos.

Em torno do desaparecimento do rei formou-se o "Mito do Sebastianismo" que perdurou na memória do povo, na literatura e na filosofia portuguesa até aos dias de hoje. O povo recusando-se a encarar o trágico e fatal destino do rei, acreditava que este haveria de voltar num dia de nevoeiro.

Fonte: CM-Lagos.pt

m esculturaprimaveraemlagosEscultura que recorre aos cromatismos e texturas de distintos materiais – mármore branco de Estremoz, aço inox, brechas de cores várias, vidraço vermelho e ruivina -, para celebrar a Primavera.

Da autoria do escultor lacobrigense José Maria Pereira, está localizada na rotunda do Porto de Mós.

Fonte: CM-Lagos.pt

Este site usa cookies para melhorar a sua navegação. Se continuar a navegar entendemos que aceita o seu uso. Saiba mais...