Muralhas

m muralhasebaluartes1A chamada Cerca Velha ficou concluída no século XIV e abrangia um burgo de urbanismo ortogonal com uma “rua direita” e respetivas travessas, que corresponde ao núcleo primitivo da cidade de Lagos conhecido como Viladentro. A muralha renascentista, conhecida como Cerca Nova, cujo plano global foi traçado na primeira metade do século XVI, incorporou no seu perímetro abaluartado as duas paróquias da Cidade, Santa Maria e São Sebastião. Esta obra foi impulsionada durante o reinado de D. João III e concluída na primeira metade do século XVII.

Baluarte da Porta da Vila ou de Santa Maria da Graça
Refere-se à Igreja da Santa Maria da Graça. 1º baluarte da Nova Cerca, adaptado às novas características da artilharia e cuja forma e localização, num ponto de cota elevada sobranceiro à cidade, permite um controlo total da muralha e área abrangente. De planta poligonal, situado no ângulo SE. da Nova Cerca, do lado terra. Tem 3 orelhões com cunhais em pedra aparelhada. Acesso à plataforma do topo através de rampa com alguns degraus. Parapeito com aberturas para artilharia e canhoneiras.

Baluarte do Coronheiro ou de Santo António
Refere-se ao Convento de Santo António - um dos mais antigos de Lagos e de que se desconhece a data de construção.

Baluarte da Gafaria ou de Nossa Senhora da Conceição
Refere-se à Ermida de Nossa Senhora da Conceição - hoje, Igreja de S. Sebastião.

Baluarte do Paiol ou de Santo Amaro
Refere-se à ermida de Santo Amaro.

Baluarte do Jogo da Bola ou de São Francisco
Refere-se ao Convento de São Francisco dos Capuchos de Nossa Senhora da Glória. Baluarte de planta quadrangular, situado no troço N. da cerca muralhada. Tem 2 orelhões com cunhais revestidos a cantaria. Acesso à plataforma do topo através de rampa com alguns degraus. Parapeito com canhoneiras.

Baluarte das Freiras ou da Alcaria ou de São Nicolau
Baluarte de planta quadrangular, situado no ângulo SO. da Nova Cerca, do lado terra. Tem 2 orelhões com cunhais em pedra aparelhada. Acesso à plataforma do topo através de escadaria com degraus largos. Parapeito com canhoneiras.

Baluarte de São Manuel - INEXISTENTE
Passou a ser mencionado da Porta Nova depois de aberta uma nova porta em substituição da Porta de São Roque, derrubada para ser construído o atual edifício dos Paços do Concelho).

Baluarte da Porta do Postigo - INEXISTENTE
A porta que se abria aos retardatários.

Baluarte da Porta de Portugal - INEXISTENTE
Situado a Norte, voltado para o interior do reino.

Baluarte da Porta dos Quartos
Depois da construção em 1695 dos quartos para alojamento de militares dos quartéis aí sedeados. Baluarte de planta quadrangular, situado no troço O. da muralha, do lado terra. Tem 3 orelhões com cunhais em cantaria aparelhada. Acesso à plataforma do topo através de escadaria com degraus largos e vão de porta com moldura em cantaria. Parapeito com aberturas para artilharia e canhoneiras.

Fonte: CM-Lagos.pt

Este site usa cookies para melhorar a sua navegação. Se continuar a navegar entendemos que aceita o seu uso. Saiba mais...